Imprensa

Consórcio Itá repassa área para a construção de novo camping público


Foi assinado na última semana, na prefeitura de Itá, o Termo de Permissão de Uso de uma área de terra para a instalação de um novo espaço de lazer e camping municipal. Na assinatura, além do prefeito, Jairo Sartoretto, estiveram presentes o gerente do Consórcio Itá, Reginaldo de Oliveira, o assessor administrativo, Jair Moschetta, e a engenheira civil, Marta Bender Sartoretto. A área de propriedade do Consórcio Itá tem 12.587,65 m2 e fica localizada em Linha Bonita, próxima às torres da igreja da antiga Itá.
A concessão de uso é válida até 2030. O contrato prevê que a prefeitura cumpra o prazo máximo de cinco anos para a elaboração e execução do projeto de infraestrutura no local. Também fica a cargo da prefeitura a limpeza, conservação e manutenção da área, assim como os tributos e a conservação das estradas de acesso, sendo o Consórcio Itá apenas responsável pela cessão de uso da área. 
Essa área foi identificada pelo Grupo de Estudos e Gestão de Turismo em Itá - Getur, e considerada ideal para a instalação da nova estrutura de camping e lazer. De acordo com o pré-projeto, o complexo contará com portaria, espaço para até 74 barracas, 14 moto-home, banheiros, 60 churrasqueiras, estacionamento para até 70 carros, 200 metros de praia artificial, quiosques, lanchonete e posto salva-vidas. 
De acordo com a engenheira civil da prefeitura de Itá, Marta Bender Sartoretto, agora o próximo passo é realizar os projetos propriamente ditos e ir atrás dos licenciamentos necessários para verificar se tudo isso é possível. A engenheira esclarece também sobre a atual área de camping em frente ao Balneário. “Em relação ao camping, já existente um e está sob concessão da iniciativa privada, em uma área nobre da cidade. Ainda não se sabe se o mesmo continuará após esse novo estar pronto”.
Para o gerente do Consórcio Itá, Reginaldo Oliveira, este contrato visa fomentar o desenvolvimento turístico do município de Itá e da região. “Consideramos que uso do local poderá trazer um bom retorno econômico ao município, mas além disso, sabemos que a demanda é um anseio da comunidade. Ações como essa vêm ao encontro da nossa política de bom relacionamento com a comunidade”, complementa.

 

Compartilhe:

Artigos relacionados

Notícias

Ver outras notícias